A vingança após uma traição.

São muitos os que passam por esta triste experiência, a de passar por uma situação de traição ou de humilhação. Ser traído, seja no casamento, seja no meio empresarial, seja por um amigo, um colega, trás um desconforto, uma decepção e por que não dizer um momento de raiva aliado a um sentimento de vingança contra aquele que nos fez tal mal.

Não se preocupe tanto, isso é normal de cada ser humano, aquele que leva um tapa na cara lembra sempre e sabe o quanto dói e doerá por talvez longo tempo, diferente daquele que desferiu o tapa que, com certeza, esquecerá rapidinho.

Vingar-se de algo que fomos submetidos nos torna semelhantes aos que nos humilhou, aliás, muitas pessoas humilham outros e por elas está tudo bem, esquecem de imediato o fato, enquanto a que foi humilhada sofre pelo desprezo, pela indiferença. Nosso instinto sempre nos leva a querer dar o troco, vingar-se, mas podemos nos perguntar: seria o correto fazê-lo?

Vingança pós traição

Nas sagradas escrituras o Senhor Jesus nos ensina a perdoar e retribuir o mal com o bem. Por situações humilhantes também já passei em relação a um familiar e sei o quanto é difícil perdoar, o mais triste é ver que aquele que humilhou para ele não foi nada demais, mas para mim deixou marcas.

Uma atitude que podemos ter e que é saudável é chegar até quem nos traiu ou humilhou e termos uma boa conversa, mostrando a este o quanto sua atitude deixou marcas em nós e conscientizar que não estamos dispostos a tolerar novamente tais fatos.

Uma vez que deixemos bem claro nossa posição, esta pessoa saberá que se voltar a nos trair ou nos humilhar poderá sofrer com as consequências pelos seus atos. Afinal alertamos e nos colocamos numa situação de rechaçar as atitudes incorretas daquela pessoa. Acredito que se houver amor ou respeito entre ambos, uma nova relação pode estar se iniciando, onde cada um deve respeitar o espaço do outro em detrimento do seu.

Perdoar é sempre a melhor atitude, no entanto, vi muitos perdoarem seus parceiros após uma traição e voltarem a fazer as mesmas coisas logo em seguida. É uma demonstração de total desconsideração pelo parceiro.

Perdoar deve ser seguido de algumas atitudes. Mostrar ao parceiro que a atitude foi reprovável, que pelos seus atos deixou feridas nos sentimentos e que não será mais tolerada novamente.

Acredito que seria a melhor maneira de levar este assunto à pessoa que nos causou o mal e impor um compromisso de fidelidade e de respeito para conosco.

Enfim, vingança nem sempre é o melhor caminho a ser seguido, se isso o fizer estaremos no mesmo patamar de quem nos atingiu, pois estaremos atingindo aquela pessoa também.

Façamos nós um esforço demasiadamente grande em busca da paz, da tranquilidade, da serenidade, almejando uma convivência melhor em nosso meio de vida, em nossa comunidade, empresa ou no nosso lar com nossos familiares, assim a vida pode ser bem melhor a cada dia.

Veja este vídeo que eu fiz relacionado ao assunto:

Leia também: adultério sem medir consequências => http://descobriratraicao.com.br/adulterio-sem-medir-consequencias/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *